Buscar
 

Arquivo de Notícias

19/02/2021

Comissão Especial recebe diretor do Hospital Dr. João Penido pela reabertura do atendimento de urgência 

A primeira reunião da Comissão Especial do Hospital Regional Dr. João Penido contou com a presença de sete vereadores; grupo quer que o hospital atue como uma UPA

A Comissão Especial do Hospital Regional Dr. João Penido (HRJP) realizou sua primeira reunião na última quinta-feira, 18, recebendo para esclarecimentos o administrador do espaço, Daniel Miotto. Sete vereadores trouxeram suas dúvidas sobre a questão da porta de entrada emergência/urgência, os requisitos para uma UPA na região, uma possível privatização, além da procura por leitos UTI de atendimento a pacientes com COVID-19 no HRJP.

A ideia de criar a Comissão Especial, segundo o presidente Vagner de Oliveira, foi para atender demandas de sete anos que prejudicaram o atendimento da população, principalmente da região Nordeste. “A partir do que foi colocado aqui pela direção do Hospital, com a posição da Fhemig e do Governo do estado, vamos agendar com a Prefeitura uma reunião para avaliar a reabertura do atendimento de urgência ou até mesmo da possibilidade de uma UPA”, disse. 

Durante a reunião, o diretor esclareceu aos vereadores presentes que a proposta da gestão da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) é de que os hospitais estaduais, como o HRJP, atendam apenas média e alta complexidade, pois considera que o atendimento primário (urgência) seria uma atribuição do município. 

Segundo o administrador, o momento para discussão é propício, já que faltam menos de cinco meses para ser renovado o contrato com a Prefeitura, e que estão avaliando como melhorar essa parceria. “A secretária de Saúde Ana Pimentel visitou as instalações do Hospital Regional para avaliar a possibilidade do Executivo administrar esse espaço para o atendimento de urgência”, apontou. 

O Hospital Regional João Penido possui gestão plena, com atendimento apenas pelo SUS, e no início deste ano ganhou 10 novos leitos para o combate à COVID-19. Nesta quinta-feira, 18, a taxa de ocupação total era de 70,48 % de leitos UTI SUS em Juiz de Fora.

Câmara acompanha há anos a questão da urgência no João Penido

O presidente da Comissão de Saúde, Marlon Siqueira (PP), esteve presente na reunião e falou sobre como a Câmara vem acompanhando essa demanda ao longo dos anos. “A reabertura das portas do HRJP é uma luta antiga dos moradores e de toda a cidade. Nós na última legislatura fomos inclusive a Belo Horizonte e avaliamos todo o contexto e as possibilidades da reabertura, quando percebemos que o problema esbarra na questão financeira”.    

A ideia é que as comissões da Saúde e a Especial do HRJP sensibilizem a Prefeitura de Juiz de Fora para realizar um censo, em convênio com a UFJF, e levar esse material para negociar com o Ministério da Saúde e mostrar que a cidade tem necessidade de uma nova UPA. “Para que isso ocorra sabemos que é necessário um padrão numérico para que a cidade receba outra UPA. O complexo de uma unidade assim é que é uma responsabilidade tripartite, com maior aporte do Ministério, mas também com a contribuição das secretarias estaduais e municipais”, disse Marlon. 

Além dos integrantes da comissão especial Sargento Mello Casal (PTB), Bejani Júnior (PODE) e Vagner de Oliveira (PSB), a reunião contou com a presença dos vereadores Julinho Rossignoli (PATRIOTA), Marlon Siqueira (PP), Maurício Delgado (DEM) e Tiago Bonecão (CIDADANIA).

Saiba mais na matéria da JFTV Câmara.

 

Mais informações: 3313-4734/ 4941 - Assessoria de Imprensa

Visualizada pela 138ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700

design by
©2011 Câmara Municipal de Juiz de Fora | Licensa Creative Commons