Buscar
 

Arquivo de Notícias

11/05/2018

Comissão de Combate à Pedofilia realiza ações para lembrar a luta contra o abuso sexual de crianças e adolescentes

O tempo passou, mas a dor que um dia machucou uma criança não vai embora. Ela foi ameaçada e no escuro de uma casa ou de uma rua, ou nas telas de um computador, se tornou refém. Chorou. Teve sua inocência roubada. Uma infância de medo.  A pedofilia acontece em família rica e pobre. Não há distinção.
 
Só em Juiz de Fora e região, de janeiro de 2017 a abril deste ano, 308 crianças e jovens foram vítimas de abusos sexuais. Os dados mostram que os abusos chegam a quase 20 vítimas violentadas sexualmente na cidade por mês. E o mais triste, cada vez crianças mais novas. A maioria das vítimas - 239 -  tem menos de 12 anos. 
 
Números cruéis, que retratam a necessidade de ação. Por isso, a Câmara Municipal de Juiz de Fora, desde o ano passado, conta com a Comissão Especial de Combate à Pedofilia e o projeto “Juntos Contra a Pedofilia”, encabeçado pelos vereadores Delegada Sheila (PSL),  presidente da comissão, Charlles Evangelista (PSL), Júlio Obama Jr. (PHS), Ana Rossignoli e Marlon Siqueira, ambos do MDB.
 
Por isso, na próxima semana, dos dias 14 a 18 de maio, os integrantes da comissão vão visitar curumins da cidade para levar até as crianças informações e também distribuirão as cartilhas confeccionadas pela Câmara. Confira abaixo o cronograma das visitas.
 
Já no dia 18, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, um coral se apresenta às 10h na escadaria da Câmara. Paralelamente, uma intervenção acontece no Calçadão da Halfeld, em frente ao Cine-Theatro Central, para lembrar as vítimas da violência e chamar a atenção da população sobre a importância de conscientização e da denúncia.  
 
Um varal com o número de roupas de cada criança violentada será exposto no local. Num segundo momento, as roupas serão doadas para instituições e famílias necessitadas. 
 

Como denunciar!
 
Se você tiver sofrido algum tipo de abuso ou tiver conhecimento de alguma crianças ou adolescente  que esteja sofrendo violência, procure ajuda no Conselho Tutelar da sua cidade, fale com alguém de confiança, como professores ou procure ajuda nas polícias Civil ou Militar. Além disso, denuncie ligando para o Disque 100 ou pelo e-mail disquedenuncia@sedh.gov.br, um canal gratuito e anônimo.
 
Os integrantes da Comissão de combate a pedofilia irão até os curumins para entrega das cartilhas!
 
● 14/05  9h - Santa Rita 
● 14/05  14h - Benfica  
● 15/05 9h - Santa Luzia  
● 15/05 14h - Santa Luzia  
● 16/05 9h - São Pedro  
● 16/05 14h - São Pedro 
● 17/05  9h - Santa Maria 
● 17/05  14h - Vila Esperança
 
Fonte: Assessoria da vereadora

 
Informações: 3313-4734 / 4941 – Assessoria de Imprensa

Visualizada pela 172ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700

design by
©2011 Câmara Municipal de Juiz de Fora | Licensa Creative Commons