Buscar
 

Arquivo de Notícias

04/07/2018

PL permite que autistas não precisem de identificação biométrica em coletivos urbanos

Foi aprovado em primeira discussão o projeto de lei (PL), de autoria do vereador Dr. Antônio Aguiar (MDB), que permite que pessoas com o transtorno do espectro autista, que já possuem gratuidade nos coletivos urbanos, de não serem identificadas por meio do reconhecimento biométrico facial.

O objetivo da proposição é não ter que submeter o autista a esse tipo de identificação, uma vez que grande parte deles apresenta dificuldade da fixação do olhar. Assim, essa situação gera constrangimento, além de impedir que essas pessoas tenham acesso ao direito de gratuidade nos transportes públicos da cidade.
 
A matéria precisa passar por mais duas discussões, antes de seguir para a análise do Executivo. Caso seja aprovada, passa a vigorar a partir de sua data de publicação.
 
 
Informações: 3313-4734 / 4941 – Assessoria de Imprensa

Visualizada pela 94ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700

design by
©2011 Câmara Municipal de Juiz de Fora | Licensa Creative Commons