Buscar
 

Arquivo de Notícias

12/07/2018

Campanha: Servidores da Câmara doam sangue no Hemominas

Até o final deste mês, a Câmara de Juiz de Fora, por meio da Escola do Legislativo "Professor Willian Coury Jabour", em parceria com o Hemominas, está fazendo uma campanha de doação de sangue voltada para os servidores do Parlamento. E eles estão aderindo. Esta semana, os funcionários Claudinei Tavares, Wanessa Santana, Poliana Saçço, Adriana Peracci, Lilian Martins e Paola Cristina, do Posto de Identificação do Legislativo, foram até o Hemominas e contribuíram com o estoque de sangue da Fundação. 

Segundo dados fornecidos pelo Hemominas, nesta época do ano ocorre uma queda considerável nos estoques de sangue, gerando uma série de transtornos. Vale ressaltar que a doação de sangue é necessária durante todos os períodos do ano, não só nestes mais críticos e que cada doação pode salvar até quatro vidas.

Abaixo estão listados os requisitos básicos e alguns dos principais impedimentos temporários e definitivos para doação de sangue.


Requisitos básicos

.Estar em boas condições de saúde.
.Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos.
.Pesar no mínimo 50kg.
.Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).
.Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).
.Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).


Impedimentos temporários

.Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas.
.Gravidez
.90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana.
.Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses).
.Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação.
.Tatuagem / maquiagem definitiva nos últimos 12 meses.
.Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses.
.Qualquer procedimento endoscópico (endoscopia digestiva alta, colonoscopia, rinoscopia etc): aguardar 6 meses.
.Extração dentária (verificar uso de medicação) ou tratamento de canal (verificar medicação): por 7 dias.
.Cirurgia odontológica com anestesia geral: por 4 semanas.
.Acupuntura: se realizada com material descartável: 24 horas; se realizada com laser ou sementes: apto; se realizada com material sem condições de avaliação: aguardar 12 meses.
.Vacina contra gripe: por 48 horas.
.Herpes labial ou genital: apto após desaparecimento total das lesões.
.Herpes Zoster: apto após 6 meses da cura (vírus Varicella Zoster).


Impedimentos definitivos

.Hepatite após os 11 anos de idade.
.Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.
.Uso de drogas ilícitas injetáveis.
.Malária.
.Hepatite após o 11º aniversário: Recusa Definitiva; Hepatite B ou C após ou antes dos 10 anos: Recusa definitiva; Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente; Hepatite viral (A): após os 11 anos de idade, se trouxer o exame do diagnóstico da doença, será avaliado pelo médico da triagem.


Informações: 3313-4734 / 4941 – Assessoria de Imprensa
 

Visualizada pela 97ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700

design by
©2011 Câmara Municipal de Juiz de Fora | Licensa Creative Commons